Hoje é dia de Helena Petrovna Blavatsky no Blog Anima Mundhy!
Homenageando esta Mestra Ascensa que tem me acompanhado há anos, tanto nos planos físicos quanto espirituais, auxiliando-me na compreensão das Leis do Universo e da Vida além da matéria!
 
Helena Blavatsky: Revolucionária em seu próprio tempo!
blavatsky-3Helena Blavatsky viveu no século 19 e esteve muito a frente de seu tempo: trouxe para a Terra novos fundamentos e conceitos que abalaram e desafiaram o pensamento vigente na época, envolvendo-se em temas que abordavam a Religião, a Ciência, a Filosofia e a Psicologia.
Dona de uma personalidade intensa e apaixonante, seus olhos marcavam presença e pareciam penetrar na Alma!
Dotada de fortes faculdades psíquicas, Blavatsky escreveu diversos livros, e sua obra mais importante é “A Doutrina Secreta”, publicada em 1888 (no Brasil, pela Ed. Pensamento).
Blavatsky dizia que ela não seria a autora de seus livros, mas sim os seus Mestres do plano espiritual.
 
Blavatsky, El Morya e a Grande Fraternidade Branca

Blavatsky_ElMorya
Madame Blavatsky, Dwal Kual,
El Morya e Saint Germain

 
Blavatsky conheceu El Morya em 1851, quando o mesmo vivia sua ultima encarnação na Terra: o príncipe Rajput – guerreiro e governante da Índia, muito respeitado por sua coragem e honra.
Blavatsky descrevia El Morya da seguinte forma: “Um gigante, de quase dois metros de altura, e de um porte físico magnífico. Um tipo esplêndido de beleza masculina!”.
 
 
 
 
 
Blavatsky e a Sociedade Teosófica
Por sugestão de El Morya, Blavatsky fundou a Sociedade Teosófica em 1875, contando com a ajuda de Annie Besant, Leadbeater e outros.
As informações contidas em seus livros são ainda bastante atuais, sendo fonte de imenso aprendizado, sendo que muitas de suas ideias ainda necessitam ser assimiladas e compreendidas por nós, Seres Humanos.
Deixo você com alguns de seus pensamentos!
Luz e Paz,
Tania Resende
 
Pensamentos de Helena Blavatsky:
 
O progresso e a evolução
* “Toda queixa é uma rebelião contra a lei de progresso”.
* “A Doutrina Secreta ensina o progressivo aperfeiçoamento de tudo, tanto dos mundos como dos átomos. Este estupendo aperfeiçoamento não tem um começo concebível nem um fim imaginável”.
* “Nosso “Universo” é apenas um de um infinito número de Universos, todos eles “Filhos da Necessidade”, porque na grande cadeia cósmica de Universos cada elo acha-se numa relação de efeito com referência ao antecessor, e de causa com referência ao sucessor”.
* “Tudo é vida, e cada átomo, mesmo da poeira mineral, é uma vida, embora isso esteja além de nossa compreensão e percepção, porque está fora do âmbito das leis conhecidas por aqueles que rejeitam o Ocultismo”.
* “Não pode haver nenhuma real libertação do pensamento humano nem expansão dos descobrimentos científicos, enquanto não for reconhecida a existência do espírito, e aceita como um fato a dupla revolução”.
* “Há uma lei fundamental do Ocultismo que diz não haver repouso ou cessação de movimento na Natureza. Aquilo que parece repouso é apenas a mudança de uma forma para outra. A mudança de substância anda de mãos dadas com a forma, conforme nos ensina a Física oculta”.
 
O Pensamento, a mente e a Co-criação
* “A mente requer purificação toda vez que nos irritamos, que dizemos uma falsidade, ou divulgamos faltas alheias. Devemos purificá-la, toda vez que falamos ou fazemos qualquer coisa, com a finalidade de bajular, ou quando alguém é enganado pela insinceridade de nossas palavras ou de nossos atos”.
* “O pensamento é uma energia que afeta a matéria de várias maneiras, mas a consciência em si, como a entende e explica a Filosofia oculta, é a mais elevada qualidade do princípio senciente espiritual em nós, a Alma Divina (ou Buddhi) e nosso Ego superior – e não pertence ao plano da materialidade”.
* “Os maus pensamentos são menos prejudiciais do que os pensamentos utópicos e medíocres. Porque contra os maus pensamentos estais sempre alerta, e estando determinados a combatê-los e vencê-los. Essa determinação vos auxilia a desenvolver a força de vontade. Os pensamentos medíocres, ao contrário, servem simplesmente para distrair a atenção e desperdiçar as nossas energias”.
* “A pessoa dotada da faculdade de pensar nas coisas mais insignificantes do plano superior do pensamento, em virtude de tal dom tem, por assim dizer, um poder plástico de formação em sua imaginação real. Sobre o que quer que essa pessoa pense, seu pensamento será tão ou mais intenso que o pensamento de uma pessoa comum, que por esta mesma força obtém o poder de criação”.
* “Quedamo-nos estupefatos diante do mistério que nós próprios fabricamos, e dos enigmas da vida que não queremos resolver, e depois acusamos a grande Esfinge de nos devorar”.
* “Em verdade, não há um acidente em nossa vida, não há um dia mau ou uma desgraça cuja causa não possa ser encontrada em nossas próprias ações, nesta ou noutra existência. Se alguém infringe as leis da harmonia ou as “leis da vida”, deve estar preparado para cair no caos que ele mesmo produziu”.
 
Deus, o Homem e a Humanidade
* “A ideia que um homem tem de Deus é aquela imagem de luz ofuscante que vê refletida no espelho côncavo de sua própria alma, e, contudo, isso não é Deus, mas apenas Seu reflexo. Sua glória está ali, porém é a luz de seu próprio Espírito que ele vê: é tudo o que ele pode comportar. Quanto mais claro o espelho, tanto mais brilhante será a divina imagem. Mas o mundo exterior não pode testemunhá-lo no mesmo momento”.
* “Certamente o homem não é nenhuma criação especial. Ele é o produto do trabalho do aperfeiçoamento gradual da Natureza, semelhante a qualquer outra unidade vivente nesta Terra. Mas isto é apenas com referência ao tabernáculo humano. Aquilo que vive e pensa no homem e sobrevive a essa forma é o “Eterno Peregrino”, a proteica diferenciação no Espaço e Tempo do Uno “Incognoscível” e Absoluto”.
* “A Vontade do Criador, pela qual todas as coisas foram feitas e receberam seus primeiros impulsos, é propriedade de todo ser vivente. O homem dotado de uma espiritualidade adicional tem a maior partilha dessa Vontade. Ele obterá maior ou menor sucesso no uso do poder mágico da mesma, proporcionalmente à matéria nele existente”.
* “O potencial da humanidade é infinito e todo ser tem uma contribuição a fazer por um mundo mais grandioso. Estamos todos nele juntos. Somos Um”.
* “A humanidade – pelo menos em sua maioria – detesta refletir, mesmo em benefício próprio. Magoa-se, como se fora um insulto, ao mais humilde convite para sair por um momento das velhas e batidas veredas e, a seu critério, ingressar num novo caminho para seguir em alguma outra direção”.
 
Carma: causas e efeitos
* “O Carma não cria nem planeja nada. É o homem quem planeja e cria causas, e a Lei Cármica ajusta o efeito. Tal ajustamento não é um ato, mas a harmonia  universal que tende sempre a reassumir sua posição original, tal qual um galho de árvore que, puxado violentamente para baixo, retorna com igual violência. Se o braço que o puxou se deslocar ou quebrar, quem teria sido o causador do sofrimento? O galho ou a nossa insensatez?”
* “Carma é uma lei infalível! Nos planos físico, mental e espiritual da existência, ajusta o efeito à causa. Assim como não existe causa sem efeito – desde uma perturbação cósmica até o movimento de nossas mãos, assim como cada coisa engendra sua semelhante – da mesma forma o Carma é aquela lei invisível e desconhecida que, sábia, inteligente e equitativa, ajusta cada efeito à sua causa e leva esta ao seu produtor.”
* “O único decreto do Carma – decreto eterno e imutável – é a Harmonia completa no Mundo da Matéria, como o é no Mundo do Espírito. Portanto, não é o Carma que nos pune ou recompensa, porém somos nós mesmos que nos recompensamos ou punimos, segundo trabalhemos com a Natureza, pela Natureza e de acordo com a Natureza, obedecendo ou transgredindo às leis de que depende essa Harmonia.”
* “Nós produzimos causas, e estas despertam as forças correspondentes no Mundo Sideral. Elas são magnéticas e irresistivelmente atraídas por aqueles que as produzem, e reagem sobre tais pessoas, sejam praticamente os malfeitores ou simplesmente pensadores que nutrem maldades.”
 
Luz e sombras, o Bem e o mal
* “Não há nenhum bem ou mal em si, como não há nem “elixir da vida” nem “elixir da morte”, nem veneno em si. Tudo está contido na única e mesma essência universal, dependendo os resultados do grau de sua diferenciação e de suas várias correlações. O seu lado de luz produz vida, saúde, bem-aventurança, paz divina, etc.; o lado de trevas traz morte, doenças, tristezas e conflitos”.
* “Vivemos numa atmosfera de escuridão e desespero porque nossos olhos estão voltados e fitos na Terra, repleta de manifestações físicas e grosseiramente materiais. Se, ao invés disso, o homem, prosseguindo na jornada de sua vida, olhasse não para o céu – o que é apenas uma figura de retórica – mas para dentro de si mesmo, e centralizasse seu ponto de observação no homem interior, muito logo escaparia dos rolos compressores da grande serpente da ilusão”.
* “Lúcifer – o Espírito da Iluminação Intelectual e Liberdade de Pensamento – é, metaforicamente, o farol orientador que ajuda o homem a encontrar o seu caminho por entre as rochas e bancos de areia da Vida. Lúcifer, em seu aspecto mais elevado, é o Logos, e no mais baixo, o “Adversário” – ambos refletidos em nosso ego”.
 
Ego inferior, intelecto e espiritualidade
* “O egoísmo pessoal é que excita e estimula o homem a abusar de seus conhecimentos e poderes. O egoísmo é um edifício humano, cujas janelas e portas estão sempre escancaradas para que toda espécie de iniquidades entre na alma humana”.
* “Um alto desenvolvimento das faculdades intelectuais não implica em verdadeira vida espiritual. A presença de uma alma intelectual humana, altamente desenvolvida numa pessoa, é perfeitamente compatível com a ausência de Buddhi, ou a Alma espiritual. A não ser que o primeiro evolua ou se desenvolva sob os benéficos dos Raios da Alma, ele permanecerá sempre e tão-somente uma progênie direta dos princípios terrestres inferiores, estéreis quanto às percepções espirituais, sepulcro magnificente, luxurioso, cheio de ossos secos de matéria-decomposta em seu interior”.
 
Clique aqui para download do livro “A Doutrina Secreta“, vol. 1
 
Você quer compartilhar?
Prefira os botões: curtir, tweet e enviar por e-mail.
Se optar por copiar, não se esqueça de copiar também os créditos e links.
 
Confira outros posts do Blog:
Aprenda a usar os Raios Divinos! Fraternidade Branca
Kuan Yin e a Chama Violeta
Magnified Healing
Consciência Trasnformadora
Consulte agenda