Em 26 de Julho entramos num Novo Galáctico!
Para quem gosta de seguir a Frequência Natural de Tempo, o dia 26 de julho marca a entrada de uma nova energia na Terra, que influenciará toda a Humanidade nos próximos 364 dias, tanto nos aspectos coletivos, quanto na vida pessoal de cada Ser Humano.
Este é um evento cósmico de grande magnitude, celebrado pelos Maias e também no antigo Egito, representando o fenômeno relacionado com o nascimento astronômico de Sirius, em alinhamento com o Sol (Hélios), acompanhando a elevação do Sol, trazendo para o interior da Terra uma forte Energia de Ascensão, Prosperidade, Abundância, limpeza e purificação nos corpos sutis de toda a Humanidade, especialmente no sistema emocional, e promovendo sincronização e harmonização com a Galáxia.
Esse fenômeno é conhecido como o nascimento Helíaco de Sirius e, tanto para os Maias quanto para os Egípcios, marcava o início de um novo ciclo na natureza, ao mesmo tempo em que a Terra recebia novos impulsos de Expansão da Consciência e de Ascensão Espiritual.
 
Os Ciclos Galácticos
Seguindo a Frequência de tempo 13:20, um Ciclo Galáctico completo se compõe de 13 ciclos lunares de 28 dias por ano solar, perfazendo 364 dias, terminando no dia 24 de julho do calendário gregoriano. E um novo ciclo inicia-se em 26 de julho.
Portanto, falamos em Ciclos Galácticos, cada qual recebendo a influência de um Kin (ou selo) associado a um Tom, que se abre no dia 26 de julho e se fecha em 24 de julho (referência no calendário gregoriano).
Se a Humanidade se coloca em conexão com as Energias disponíveis na Terra, receberá consequentemente todas as facilidades disponíveis do momento e estará em harmonia com os movimentos positivos do Universo.
Por outro lado, resistir ao fluxo do movimento, apegando-se ao velho, traz estagnação e os processos necessários à evolução tornam-se morosos e repletos de dificuldades. A regra é soltar-se para perceber o que a vida está lhe trazendo ou, como costumo dizer, perceber quais são as demandas que do Universo para o seu momento presente.
 
Lua Cósmica Vermelha: o Ano da Grande Purificação Cósmica!
Em 26 de julho de 2018 entramos no ano da Lua Cósmica Vermelha, o kin 169, cuja mensagem principal é a Purificação  – interna e externa -, individual e coletiva, especialmente a purificação emocional -, para Transcender as estruturas antigas.
Além disso, para esse modo de contar o tempo, este ano conclui um ciclo de purificação de 13 anos que começou a 26 de julho de 2006 e termina a 25 de julho de 2019, quando se presume que a Humanidade terá conseguido finalizar seus processos de limpezas mais importantes, para usufruir de um novo tempo, em novos paradigmas, novos valores e novas estruturas.
Vamos entender quais são as energias do kin 169?
 
Kin 169, Lua Cósmica Vermelha
Eu persevero com o fim de purificar
Transcendendo o fluxo
Selo o processo da Água universal
Com o tom cósmico da presença
Eu sou guiado pelo poder do espaço
“Dons me são oferecidos; eu sou a ferramenta de minha própria purificação.”
 
Purificação e a Gratidão como recurso
A Lua Vermelha nos traz a ideia do perseverar. Mas perseverar em que?
O perseverar aqui tem a conotação do perseverar no caminho da sua própria evolução. A Lua Vermelha diz que para evoluir até o próximo nível é necessária a purificação de tudo aquilo que não faça parte da sua Essência Divina.
Em outras palavras, estamos diante da oportunidade de deixar ir o que já não nos serve mais, de superação do ego e suas armadilhas.
A Lua Vermelha convida você a acessar a sua pureza essencial, livre de toxinas, distorções, falsidades e energias que não servem mais. Apenas através do estado de pureza é possível manifestar a Amorosa Essência Divina que você carrega em seu coração.
Nesse sentido, a Lua Vermelha lhe estimula a desfazer-se de tudo aquilo que não te faz bem. Sem contar que esse kin também estimula a perseverança nas purificações planetárias, as quais já estão acontecendo a todo vapor.
Ao mesmo tempo em que a Lua Vermelha estimula purificação, ela também traz recursos e facilidades para que o processo aconteça dentro da suavidade, sendo que a dica principal é o “seguir o fluxo”, permitindo que uma Força Maior lhe conduza e lhe mostre o caminho, a sua verdade e os próximos passos.
Essa purificação acontece como um dissolver das amarras emocionais e mentais que lhe impedem de expandir-se como Ser de Luz que você é. E, por esse motivo, acessar o seu Ser interno e mais profundo é de fundamental importância.
Você pode começar pelo exercício da gratidão, pois essa é uma das maiores forças purificadoras que se conhece. A gratidão por sua experiência na Terra, pelos aprendizados que está realizando e pelos progressos que está fazendo na sua evolução.
 
O Poder da Água Universal: fluir
No poder da Água Universal do kin 169 está a dica do “deixar fluir”, ou seja: ser como a água que segue preenchendo espaços e vazios, calma e serena, adaptando-se em cada movimento, carregando a força da vida em si mesma, forte e ao mesmo tempo suave.
O fluxo nos lembra que no Universo tudo se movimenta e trazendo-nos a ideia de que o fluir é a nossa essência e que as mudanças são naturais. Em outras palavras, o que há de constante na vida é o eterno movimento, um processo contínuo de renovação e desprendimento, acompanhando os ciclos e ritmos da natureza.
A Lua Vermelha traz forte receptividade e sensibilidade do mundo exterior, colocando a Humanidade mais atenta aos ensinamentos da vida e das outras pessoas, além de conscientizar de que estamos o tempo todo recebendo e transmitindo energia. Por esse motivo, o kin 169 pede que você fique alerta sobre as suas vibrações e sobre a qualidade das suas emoções, observando o que está atraindo para si mesmo, a fim de transformar e filtrar aquilo que você permite fazer parte da sua existência.
 
E aqui está a presença do Tom Cósmico!
O Tom Cósmico representa o espírito em expansão, presente em evolução contínua, transcendendo a lógica do tempo linear, em plena conexão com o Aqui e o Agora, estar receptivo para o que realmente está acontecendo, enquanto está acontecendo.
A ideia aqui é: traga seu Espírito para o seu Aqui e Agora, fortaleça sua conexão com o seu Ser interno, receptivo às Forças e à Inteligência viva do Agora.
Presença é o fio que conecta tudo na vida. A presença da vida é o que todos compartilhamos, a Força Vital Universal que une todas as coisas. A presença do espírito. A presença do Amor. A presença do seu Eu Cósmico.
Sendo assim, o Tom Cósmico lhe convida a estar presente em todos os momentos, sabendo que é capaz de transcender todas as limitações e perseverar através das ondas da vida – estar totalmente presente durante toda a sua duração.
E, como li no site do Tzolkin: “A todo instante temos a oportunidade de transcender supostas limitações e elevar nossos pensamentos para além dos comportamentos condicionados. Estando presentes, expandimos e sentimos nossas relações com a vida, e passamos a entender nosso sofrimento como a beleza da evolução humana, encarando a vida como uma eterna jornada.
Simbolizando a perseverança, o tom Cósmico é a força da continuidade da vida, que se desdobra para o futuro integrando todo o passado. Aqui, transcendemos através do portão cósmico, alçando um voo mágico e um retorno magnético, num novo fluxo espiral de uma nova Onda Encantada!”
 
Então, finalizo esse texto lembrando-lhe de que “Dons me são oferecidos; eu sou a ferramenta de minha própria purificação”. Busque-os, identifique-os e use-os para facilitar a sua caminhada na Lua Cósmica Vermelha
Namstê, Tania Resende

 
Consulte Agenda

Curtiu esse post?