13 / 10 / 2011 Comentários 32

Organização social num planeta de sexta dimensão. Uma mensagem de Hamir – Órion

Já faz um tempo eu tenho feito canalizações de Mentores e Anjos pessoais, a partir dos maravilhosos desenhos que a Rosa Teubl faz.

Recentemente, canalizei Hamir – Mentor Interdimensional de F., um Ser da Constelação de Órion – sexta dimensão.

Uma parte da informação foi tão interessante, que pedi autorização para publicá-la no Blog Anima Mundhy. E estou compartilhando com vocês aqui!

Gratidão eterna à F. e a Hamir, pois aprendi e refleti muito com as informações que você vai ler.

Talvez toda a Humanidade tenha um pouco a refletir a partir dessas informações.

Luz e Paz,

Tania Resende

 

Existe vida na Constelação de Órion!

Muitos são os planetas na constelação de Órion. Em muitos há vida inteligente, como vocês dizem. Os povos que habitam os planetas em Órion se diferem entre si, não apenas na aparência, mas também nos níveis evolucionais e dimensionais.

Aqueles que ajudam a Terra estão em dimensões superiores a vocês.

 

Porque não encontramos vida em outros planetas?

Quando vocês buscam por vida nos planetas ao redor e não encontram nada, é porque estão olhando para a terceira dimensão desses planetas. Seus telescópios ainda não conseguem transpor as dobras dimensionais para ver além da terceira dimensão.

Por este motivo quando você olha para o meu planeta de origem nos céus, não o vê como eu o vejo, um planeta de sexta dimensão.

 

Diferentes dimensões são sobrepostas num mesmo lugar

Como a sua ciência está quase a entender, sobre um planeta de terceira dimensão existem dimensões superiores. Diversas dimensões são sobrepostas umas as outras.

Então agora vamos à sexta dimensão no meu planeta.

 

Muitos povos já ultrapassaram a terceira dimensão

Somos uma civilização cheia de recursos tecnológicos, todos eles usados em benefícios para todo o povo. Nós já vivemos a terceira dimensão e já estivemos com os mesmos problemas que hoje enfrentam na Terra.

Encontramos muitas soluções.

Crescemos enquanto povo em harmonia com o Universo. Desenvolvemos em nós, muitas vezes de maneira árdua e através de duras lições, o Amor por tudo e por todos.

E embora ainda tenhamos muito a caminhar rumo à Essência Cristica pura, sabemos que estamos mais adiantados que vocês em diversos aspectos.

 

Porque a Terra recebe ajuda de outros povos?

Estamos aqui para auxiliar a Humanidade a superar os problemas que estão vivendo, pois para muitos deles nós já descobrimos as soluções.

Trazemos para vocês informações em diversos setores da sua sociedade, são recursos que descobrimos por nós mesmos e que hoje disponibilizamos para todo o Universo!

 

Aprender a compartilhar: uma etapa da evolução Crística

Vocês, Humanos, precisam entender que uma das etapas no caminho de evolução de um povo é o aprender a compartilhar amorosamente as suas aquisições positivas e o seu aprendizado, pois no Universo Crístico todos se ajudam mutuamente, sem medo de ser subjugado ou mesmo de ser enganado por alguém.

Quando se chega a essa etapa do caminho, um povo entende que o conhecimento e os recursos aprendidos são “domínio público” – para utilizar palavas que costumam usar.

Isto quer dizer que ninguém é dono de nada e por este motivo o compartilhar é a próxima etapa do caminho. Em outras palavras, entendam que nós não fechamos o conhecimento a sete chaves e não brigamos por direitos autorais.

O compartilhar implica não apenas dividir amorosamente com aqueles que estão mais próximos, mas também implica em dividir com aqueles que estão mais distantes, pois esta é uma etapa em que uma civilização já entendeu que faz parte de um Todo e que esse Todo deve caminhar em União para que o Universo inteiro cresça em conjunto.

Nesta etapa sabemos que todos retornarão juntos á Perfeiçao inerente a Criaçao deste Universo.

 

Como são os relacionacionamentos?

Cultivamos o Amor por tudo e por todos. Não vemos diferenças entre nós e não nos comparamos uns aos outros.

Vivemos em harmonia e respeito ás escolhas individuais e nossa grande contribuição na Terra é incentivar cada Ser Humano a conviverem em paz uns com os outros.

Estamos na Terra para ancorar vibrações amorosas. Nossa simples presença já é cumpre a nossa Tarefa!

Colocamos á disposição da Terra a nossa bilbioteca viva, inserida no dna de cada Ser encarnado, fruto do conhecimento conquistado nos milhares de anos de evolução.

 

Cura pelo Poder Mental aliado à Tecnologia Cristalina

No aspecto desenvolvimento da mente, nós já conquistamos diversas habilidades, entre elas a cura através da mente – que se une a uma Tecnologia Cristalina de Cura – pois nós não valorizamos certos recursos em detrimento de outros, uma vez que já compreendemos que todas as áreas podem se complementar.

Não brigamos entre nós para a supremacia de certos recursos.

Por este motivo não temos os desequilíbrios que se encontram hoje na Terra – doenças, como vocês chamam – pois nós nos reequilibramos na origem energética de cada desarmonia, antes que ela se faça presente.

 

Auto cura como prioridade diária

Nós também temos os nossos aspectos a serem curados, porém nós lidamos com eles de forma preventiva. E ainda atuamos em níveis diferentes daqueles que vocês conhecem.

Nós prezamos o ato de nos reequilibrarmos todos os dias, como uma ação preventiva, cortando o “mal pela raíz”, literalmente, antes que possamos sofrer com eles.

Temos curadores como vocês, embora com técnicas bem diferentes. Sabemos que, em alguns momentos, a autocura por si só não é suficiente.

Ainda temos os nossos desafios a serem superados, ainda buscamos alternativas para certas questões, pois almejamos também ascensionar.

 

Sobre as instituições governamentais na civilização de Hamir

Temos escolas, temos Centros de Cura, temos instituições de gorverno, tal como vocês possuem na Terra.

Porém, a forma como nos organizamos é também diferente, pois os nossos governantes não são autoritários, nem arbitrários e nem trabalham em interesses pessoais.

Quando um Ser chega a um cargo de comando coletivo, a sua prioridade é sempre o coletivo.

Todas as decisões visam sempre o bem estar de cada segmento – o que vocês chamam de Nação – e em consequência o planeta inteiro é beneficiado.

Há um senso de responsabilidade imensa pelo coletivo e todos os habitantes prezam e valorizam demais a convivência harmônica entre todos, assim como valorizamos as dádivas que o nosso próprio planeta nos traz.

 

Os recursos naturais da Terra

Não temos nem a metade dos recursos naturais que vocês possuem na Terra e por isso nós não compreendemos porque que não conseguem valorizar aquilo que já nasceu com vocês.

Nós aprendemos a gerar certos recursos a partir da força mental criadora e também a partir da energia e da Tecnologia Cristalina.

Seus recursos naturais são imensos!

Pena que não os aproveitam e não os utilizam de forma consciente!

 

Sobre os relacionamentos afetivos e a sexualidade

Também temos relações afetivas, mas não nos obrigamos a permanecer eternamente com a mesma pessoa. Não temos casamentos como vocês conhecem. Nós não somos poligâmicos.

Quando nos unimos a alguém, o fundamento é o Amor, a escolha livre e o desejo dos pares em realizarem experiências juntos.

Encaramos com naturalidade quando certas experiências chegam ao fim – aliás, também não usamos esse termo.

Experièncias que já cumpriram seus propósitos não têm porque continuarem.

Sem dor ou sofrimento, seguimos adiante para as próximas relações. Mágoas e ressentimentos não existem em nosso vocabulário, pois entendemos sobre o livre arbítrio, o desapego e a liberação.

Não entendemos o amor pelo sexo oposto como vocês entendem. Não temos o sentimento de posse sobre ninguém e por este motivo todos se sentem livres para manifestarem seus potenciais com toda a força. Nós somos complementos um do outro.

A sexualidade é considerada sagrada: um encontro amoroso entre dois seres, uma fusão de almas e não de corpos! Um momento que muito se assemelha ao êxtase de união com Deus!

 

Dons e habilidades naturais são valorizados

Não conhecemos as frustrações e as privações de nossos dons.

Desde a infância somos incentivados a nutrir nossas habilidades naturais e as nossas escolas não são divididas por faixa etária como vocês fazem.

 

Centros Educacionais como Escolas

Costumamos chamar nossas escolas de Centros Educacionais e nós nos dividimos por dons e interesses. Os mais novos aprendem desde cedo a conviverem entre si, indenpentemente da faixa etária.

Os agrupamentos são naturais e acontecem sempre em torno daquilo que estamos desejando desenvolver ou aprimorar.

Aprender não é uma palavra muito usada. Nós usamos mais o termo: desenvolver e aprimorar habilidades.

Os mais adiantados ajudam os que estão ainda no início, nas fases iniciais das habilidades.
Como pode ver, mais uma vez reforço: não nos categoraizamos por idade e sim por fases nos dons e nas habiliades. E faço aqui um adendo: ninguém se vê como melhor que ninguém, mesmo que em fase muito adiantada em certa habilidade.

As nossas crianças sentem-se livres para demonstarem seus dons e interesses. Jamais nos obrigamos a absorver um conhecimento que não nos faça sentido.

A consequência disto é que todos estão sempre muito animados para frequentarem os nossos Centros Educacionais.

 

Uma Força Maior guiando a busca pelo conhecimento

Não temos medo que o conhecimento se perca porque sabemos que somos guiados por uma Força Maior que coordenará os interesses e as habilidades de todos nós, em cada etapa do nosso desenvolvimento planetário.

Sabemos, e estamos comprovando, que todas as nossas áreas de conhecimento estão sempre sendo “passadas” adiante e nunca nos faltam grupos intressados em cada uma delas.

 

Centros Educacionais para todas as idades

Nunca saímos das escolas. Não queremos isso, pois temos dentro de nós o interesse em sempre desenvolver mais um aspecto de nós mesmos e de nossa sociedade.

Não há uma idade certa para deixar de frequentar nossos Centros Educacionais, como vocês.

Professores são coordenadores e facilitadores da aprendizagem

Nestes Centros, todos aprendem e todos também todos ensinam.

Não temos professores como vocês. Temos coordenadores que facilitam a aprendizagem e estes são aqueles que já atingiram níveis mais avançados de desenvolvimento e aprimoramento na habilidade que escolheu desenvolver-se.

 

Relacionamento entre pais e filhos

Respeitamos todos, até mesmo os nossos filhos são respeitados.

A pouca idade não significa que “devem obediência”, assim como a idade mais avançada é sinonimo de maior Maestria e Sabedoria.

Apesar das diferenças, todos são importantes e sabemos que os mais novos também podem estar trazendo um conhecimento imprescindível para a nossa sociedade.

Todos os seres são valorizados naquilo que trazem dentro de si, independentemente da faixa etária ou da fase de desenvolvimento em que se encontram.

Não desvalorizamos ou desprezamos aqueles que estão nas fases iniciais de desenvolvimento.

Todas as opiniões são ouvidas! Mesmo os de pouca idade ou de menor desenvolvimento têm o direito a se expressarem.

 

Crianças precisam de auxílio e não de castigos

Os pais são os responsáveis pelo desenvolvimento e educação nos preceitos básicos da nossa sociedade. Também sentimos que os pequenos precisam de “correção” – como dizem. Porém, não chamamos isso de “correção”.

Muitas almas chegam até nós porque escolheram aprender a amar e a viver em comunhão uns com os outros. Os pais se responsabilizam a ensiná-las e a amá-las. Apenas isso!

Nós compreendemos que os recém-chegados ao planeta podem precisar de auxílio enquanto aprendem e se adaptam. Muitos também precisam de ajuda para reorganizarem-se internamente. Nós os ajudamos nisso.

Não usamos as “reprimendas” que vejo na Terra. Há uma troca constante entre nós e nossas ações são sempre muito amorosas.

Em nossa visão atual do Universo, nós sabemos que há um equilíbrio e uma harmonia natural em todos os Seres e quando um de nós  não está se manifestando com equilíbrio e harmonia, consideramos que os mesmos precisam de auxílio e não de castigos.

 

Janelas abertas para a ascensão no Universo inteiro!

Todo o Universo está em constante ascensão. Não há limites para a evolução. Sempre haverá outras dimensões e novas conquistas a serem atingidas.

O que acontece agora neste Universo são “janelas abertas”.

Janelas sempre se abrem para impulsionar a evolução. E nestas aberturas todos os povos gostam de aproveitá-las, pois são momentos de maiores facilidades.

Nós também estamos recebendo ajuda de povos mais adiantados, assim como na Terra também há uma ajuda intensa. Todos se ajudam, pois devemos subir a novos patamares todos juntos.

A Lei do Universo é progresso sempre!

Um dia, cada qual poderá ter a possibilidade de criar seus próprios Universos e como disse, não há limites!

Eu Sou Hamir, na sintonia som e mente!

Através de Tania Resende,
em 03/09/2011

 

Links
2012, 2013 e além!
Prosperidade e Abundância
Equipe de Transição Planetária

 

Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

 

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

32 Comentários

  1. Jonas

    Quer dizer q o Deus da Bíblia não existe?

  2. ...

    Sr.Hamir você não é daqui, estou certa? Queria manter contato e perguntar algumas coisas de orion, bom se você conhece orion deve saber quem sou. Até mais Hamir.

  3. Juliana

    hum… poxa é muito interessante isso tudo, mas porque eu não acredito em extraterrestres? gostaria de saber mais a respeito disso, a sei lá, de tudo isso….

    • Tania Resende

      Olá, Juliana:

      O não acreditar em extraterrestres vem dos ensinamentos que recebemos, dizendo que eles não existem.
      Mas é momento de transformarmos nossos pensamentos, pois o Universo é imenso e seria muito estranho existir vida apenas na Terra, não acha?

      Continue suas leituras por aqui.

      Esperamos ajudar você a expandir sua consciência.

      Luz!

  4. Renata

    Sem palavras para o texto!
    Você tem algum meio de contato?

  5. Órion, não é de lá a Confederação Intergalática?

  6. Risadaria Gomes

    Gostei muito de conhecer a mensagem de Hamir.

  7. Sou da constelação de órion !
    Mas porque estou aqui na terra ?
    Tenho amigos espirituais !
    Desde criança, tenho ligações com coisas ligadas a cura !
    Gosto da umbanda !